Nova composição publicada neste ano, tem o objetivo de assessorar o MCTIC e será representada por Rafael Navarro, vice-presidente da ANPEI, e como suplente de Heloísa Menezes, consultora da associação.

Recentemente, o Comitê Consultivo de Nanotecnologia e Novos Materiais reuniu representantes do governo, da academia e do setor produtivo para discutir uma nova regulamentação técnica para a integração de unidades ao Sistema Nacional de Laboratórios em Nanotecnologias (SisNANO).

Entre os representantes, a ANPEI  – Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoraspassou a compor oficialmente este Comitê, tendo Rafael Navarro, vice-presidente da ANPEI, como interlocutor, e como suplente, Heloísa Menezes, consultora da associação.

A nova composição foi publicada na edição do Diário da União Portaria nº 1.990, do dia 18 de maio de 2020, do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

O Comitê

Instituído em janeiro deste ano, o Comitê Consultivo de Nanotecnologia e Novos Materiais tem o objetivo de assessorar o MCTIC na definição dos objetivos principais, áreas prioritárias, diretrizes, alocação de recursos, avaliação das iniciativas, ações, programas e projetos em nanotecnologia e novos materiais. Também oferece apoio na gestão do SisNANO, Sistema Nacional de Laboratórios em Nanotecnologias.

A investigação e implementação dessas tecnologias em diversos setores e produtos é de extrema relevância para o desenvolvimento da economia brasileira, e a representatividade da ANPEI neste contexto é também é de ampla importância.

Na instância, estão representados o MCTIC; o Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM); o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); a Financiadora de Inovação e Pesquisa (Finep); o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC); a Universidade Federal do Ceará (UFC); a Universidade Federal do Paraná (UFPR); a Confederação Nacional da Indústria (CNI); a Petrobras; a Associação Brasileira de Cosmetologia (ABC); a Associação Brasileira de Polímeros (ABPol); e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec).

Como associados da ANPEI, nós da GAC Brasil participamos das conferências anuais e atualmente formalizamos juntos o Pleito para o Governo Federal referente a melhorias na Lei do Bem, lei de incentivo fiscal à inovação, como uma forma conscientizar a necessidade do estímulo à inovação a partir deste importante incentivo e de mobilizar uma revisão urgente deste mecanismo.

Deseja receber mais informações?

Entre em contato conosco através dos nossos canais de atendimento.

E-mail contato@group-gac.com.br

Telefone (11) 4858-9350 e whatsapp (11) 99221-9019.