Brasileiros confiam mais no metaverso do que a média mundial

Segundo levantamento, 67% dos brasileiros concordam que a nova tecnologia irá impactar diversas áreas de suas vidas na próxima década

De acordo com um estudo feito pelo Instituto Ipsos, os brasileiros estão mais otimistas com as possibilidades proporcionadas pelo metaverso do que a população de outros países.

A pesquisa aponta que 60% das pessoas no país veem a tecnologia de realidade aumentada e virtual como fator positivo. Embora esse índice tenha sido menor que de países como China (78%), Índia (75%) e Peru (74%), foi maior que a média global de 50%.

Os dados foram obtidos a partir do levantamento “Como as pessoas veem o metaverso e a realidade aumentada”, que contou com participações em 29 países.

O documento mostra que 67% dos brasileiros concordam que o metaverso deve impactar áreas como aprendizagem virtual, entretenimento, trabalho saúde nos próximos 10 anos. A média de outros países foi de 58%.

Em relação à familiaridade com o metaverso, os brasileiros também se mostram bem-informados. 63% dos entrevistados disseram que estão muito ou um pouco ambientados com o assunto.

Além disso, em geral, homens representam 56% dos entusiastas, enquanto mulheres representam 44%. Jovens são os que mais estão inteirados com as possibilidades tecnológicas.

Fonte: Época Negócios

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email

Artigos em Relacionamento

. A divulgação foi realizada durante o Fórum Brasil de Investimentos.

Governo tem US$ 1,3 bi para investir em infraestrutura sustentável

Valor faz parte de um acordo firmado entre o Ministério da Infraestrutura e o Banco Interamericano de Desenvolvimento durante o Fórum Brasil de Investimentos O Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura, e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) firmaram um acordo de investimento em projetos sustentáveis na área de infraestrutura, no valor de

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) vai investir R$ 380 milhões em projetos de apoio à pesquisa científica e ao desenvolvimento tecnológico na região amazônica em 2022.

MCTI investirá R$ 380 mi em ciência e inovação na Amazônia

Anúncio de recursos para projetos do Ciência para Amazônia MCTI ocorreu durante o Fórum Nacional Consecti & Confap 2022, em Manaus O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) vai investir R$ 380 milhões em projetos de apoio à pesquisa científica e ao desenvolvimento tecnológico na região amazônica em 2022. O anúncio dos recursos previstos

pt_BRPortuguese
Rolar para cima