CNPq e MCTI lançam chamada para inserção de pesquisadores em empresas incubadas

Iniciativa faz parte do Programa Nacional de Apoio aos Ambientes Inovadores e vai destinar R$ 5 milhões para as propostas aprovadas

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) lançaram a chamada “Recursos humanos em áreas estratégicas, pesquisador na empresa incubada”, destinando recursos no valor total de R$ 5 milhões para as propostas aprovadas.

A iniciativa faz parte do Programa Nacional de Apoio aos Ambientes Inovadores – PNI e conta com o apoio Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) e do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap).

O objetivo é apoiar projetos que buscam contribuir para o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação no Brasil, por meio da inserção de pesquisadores em microempresas e empresas de pequeno porte vinculadas às incubadoras em operação no país.

Os projetos deverão apresentar aderência a, no mínimo, uma das Áreas de Tecnologias Prioritárias do MCTI: “Tecnologias Estratégicas”, “Tecnologias Habilitadoras”, “Tecnologias de Produção”, “Tecnologias para o Desenvolvimento Sustentável” e “Tecnologias para Qualidade de Vida”.

São também considerados prioritários projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação das áreas do setor de saúde relacionados a soluções tecnológicas envolvendo a pandemia do novo coronavírus.

Recursos Financeiros

Os projetos terão o valor máximo de financiamento de R$ 90.000,00 (noventa mil reais) e poderão estar em estágio inicial ou em desenvolvimento nas empresas, ou seja, do TRL 2 ao TRL 5 (TRL – Technology Readiness Level – Nível de maturidade tecnológica atual do projeto).

6 – Itens Financiáveis

6.1 – Bolsas

6.1.1 – Serão concedidas bolsas, por até 18 (dezoito) meses, nas modalidades:

  1. a) DTI (Desenvolvimento Tecnológico Industrial), todos os níveis;
  2. b) EV (Especialista Visitante), todos os níveis; e
  3. c) SET (Fixação e Capacitação de Recursos Humanos), todos os níveis.

6.1.1.1 Deverá ser solicitada, ao menos, uma bolsa SET-A, SET-B ou SET-C (profissional com título de doutor) ou SET-D, SET-E ou SET-F (profissional com título de mestre).

As inscrições ficarão abertas até 26 de fevereiro de 2021, e as propostas deverão ser encaminhadas ao CNPq pelo Formulário de Propostas on-line disponível na Plataforma Integrada Carlos Chagas.

No formulário, deverão ser preenchidos a identificação da proposta, dados do candidato, instituições participantes, áreas do conhecimento predominante e do conhecimento correlatos.

O resultado final será divulgado no Diário Oficial da União até 2 de abril.

Para mais informações, acesse: https://bit.ly/36y9USy.

Deseja receber apoio para aplicação do seu projeto neste ou em outros editais? Fale com a GAC Brasil! Somos uma consultoria especializada no fomento à inovação, dentro de uma gestão estratégica da inovação.

Nossos canais:

E-mail contato@group-gac.com.br

Telefone (11) 4858-9350 e WhatsApp (11) 99221-9019.

 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email

Artigos em Relacionamento

Ribeirão Preto: R$ 381,8 milhões em projetos de estrutura e inovação

Recursos devem ser utilizados no prazo de 5 anos e município deve dar contrapartida de R$ 95,4 milhões Foi aprovada pela Comissão de Financiamentos Estrangeiros (Cofiex), do Ministério da Economia, a destinação de US$ 69,7 milhões da Corporação Andina de Fomento (CAF) para financiar projetos de mobilidade, inovação, meio ambiente, entre outras áreas, em Ribeirão

O que faz empresas tradicionais se transformarem em startups?

Em entrevista exclusiva ao portal de tecnologia Canaltech, executivos explicam como as empresas tradicionais se rendem à cultura das startups Uma empresa tradicional trabalha em áreas de atuação conhecidas e busca operações estáveis que geram lucros. Já uma startup atua com soluções inovadoras e escaláveis, isto é, onde o número de clientes aumenta sem que

Lançada chamada pública da Finep/MCTI para implantação de centros de inovação em todo o País

Ao todo, serão investidos R$ 50 milhões em recursos não reembolsáveis do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico A Finep, empresa pública federal vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), divulgou uma chamada pública para apoio financeiro a Centros de Inovação, situados em municípios que contam com universidades, centros de pesquisa e

pt_BRPortuguese
Rolar para cima