MCTI/FINEP e MAPA assinam Acordo de Cooperação para projetos de CT&I em áreas prioritárias

Acordo assinado nesta última quarta-feira (7), prevê parceria com duração quatro anos podendo ser prorrogada por meio de Termo Aditivo

O MCTI – Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, a Finep e o MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento assinaram nesta última quarta-feira (7), um Acordo de Cooperação para execução de atividades conjuntas para o fomento à pesquisa, desenvolvimento e inovação de empresas e Instituições de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – ICTs, que tenham uma ligação direta ou indireta com o setor agropecuário, para elevar os investimentos em PD&I.

O acordo prevê a realização de estudos e compartilhamento de informações próprios ou de órgãos e instituições públicas e/ou privadas, parceiras dos partícipes, para subsidiar tomada de decisões e publicações técnicas; construção de planos, programas, editais e outros meios que viabilizem:

1) Recursos que visem à capacitação tecnológica para o desenvolvimento do sistema produtivo, ou contribua para a autonomia tecnológica do país;

2) Fomentar o desenvolvimento de novas tecnologias e recursos genéticos, promovendo a adoção de novos produtos, processos e serviços vinculados;

3) Promoção da competitividade empresarial nos mercados nacional e internacional;

4) Promoção da sustentabilidade em toda a cadeia do agronegócio brasileiro, incluindo a cadeia de bioenergia a partir de biomassa renovável;

5) Promoção da ampliação e modernização da infraestrutura laboratorial de Instituições Científica, Tecnológica e de Inovação (ICTs) no País;

6) Estímulo à atividade de inovação nas Instituições Científica, Tecnológica e de Inovação (ICTs), parques e polos tecnológicos no País;

7) Estruturação de redes, alianças e projetos internacionais de PD&I com a formação e a capacitação de recursos humanos qualificados;

8) Promoção ações de apoio do empreendedorismo tecnológico e criação de ambientes de inovação;

– Buscar fontes alternativas de recursos que permitam suportar ações de fomento oriundas do acordo;

– Construir arcabouço jurídico que permita a operacionalização de recursos de diferentes fontes, nacionais e internacionais, para apoio às iniciativas oriundas do presente acordo.

Através desta parceria será possível realizar uma união das temáticas prioritárias entre o MCTI e o MAPA. Sendo o MCTI responsável por Tecnologias Estratégicas; Tecnologias Habilitadoras; Tecnologias de Produção; Tecnologias para Qualidade de Vida e Tecnologia para Desenvolvimento Sustentável.

Pelo MAPA, há os Eixos de Impacto e os Eixos Estratégicos, entre eles: Sustentabilidade; Bioeconomia; Digital; Inovação e Food Tech.

Confira a gravação da Assinatura de Acordo de Cooperação MCTI, MAPA e Finep: https://youtu.be/u9m2eKbQlFc

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email

Artigos em Relacionamento

. A divulgação foi realizada durante o Fórum Brasil de Investimentos.

Governo tem US$ 1,3 bi para investir em infraestrutura sustentável

Valor faz parte de um acordo firmado entre o Ministério da Infraestrutura e o Banco Interamericano de Desenvolvimento durante o Fórum Brasil de Investimentos O Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura, e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) firmaram um acordo de investimento em projetos sustentáveis na área de infraestrutura, no valor de

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) vai investir R$ 380 milhões em projetos de apoio à pesquisa científica e ao desenvolvimento tecnológico na região amazônica em 2022.

MCTI investirá R$ 380 mi em ciência e inovação na Amazônia

Anúncio de recursos para projetos do Ciência para Amazônia MCTI ocorreu durante o Fórum Nacional Consecti & Confap 2022, em Manaus O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) vai investir R$ 380 milhões em projetos de apoio à pesquisa científica e ao desenvolvimento tecnológico na região amazônica em 2022. O anúncio dos recursos previstos

pt_BRPortuguese
Rolar para cima