Programa Tecnova II recebe 93 propostas de inovação

Número representativo de projetos enviados mostra o grande potencial inovador do Paraná. Iniciativa conta com um recurso total de R$ 9,5 milhões

O Governo do Estado do Paraná recebeu 93 submissões de propostas de inovação para o Programa Tecnova II. Através do recurso total de R$ 9,5 milhões, será possível destinar a subvenção econômica de até 25 projetos de inovação tecnológica.

Segundo o coordenador da área de Inovação da Fundação Araucária, Luis Guilherme Brandt Goetzke, o número representativo de projetos enviados demonstram o forte avanço das políticas públicas de inovação do Paraná, mesmo em tempos de pandemia. 

Ele acrescenta que, também foi possível identificar propostas que tenham como base o desenvolvimento de novas soluções que visem o combate e o enfrentamento da pandemia da Covid-19, fazendo jus ao compromisso de geração de riqueza e promoção do bem-estar social assumido pelo Governo do Estado.

As três cidades com mais propostas submetidas para o Programa Tecnova II foram Curitiba, Londrina e Maringá.

O tema que recebeu propostas em maior número foi Tecnologia da Informação e Comunicação, seguido da Metalmecânica/Eletroeletrônica, Agronomia, Saúde e Energias Alternativas.

Das 93 propostas, aproximadamente 12% são voltadas para projetos de pesquisa e inovação que visam contribuir no desenvolvimento de novas soluções com foco emergencial no enfrentamento da pandemia da CovidF-19 e suas consequências, e outras síndromes respiratórias agudas graves. 

Sobre o Tecnova II

O programa tem como objetivo constituir uma oportunidade de projetar o setor produtivo estadual no contexto nacional de incentivo à inovação tecnológica, ao identificar novas ideias e estimular novos talentos, muitas vezes anônimos, presentes no âmbito das micro e pequenas empresas paranaenses.

Executado pela Fundação Araucária e a Financiadora de Estudos e Projetos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (Finep-MCTI), conta com o apoio das Superintendências Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), Superintendência Geral de Inovação (SGI), do Sebrae/PR e do Senai/PR. 

A GAC Brasil auxilia empresas privadas com estudos de viabilidade, uso otimizado da Lei do Bem e as melhores opções de financiamento para PD&I.

Além de escritório na região Sudeste do país (SP e RJ), estamos presentes no Sul, com escritório em Porto Alegre (RS).

Entre em contato conosco para receber mais informações.

Nossos canais:

E-mail contato@group-gac.com.br

Telefone (11) 4858-9350 e WhatsApp (11) 99221-9019.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email

Artigos em Relacionamento

. A divulgação foi realizada durante o Fórum Brasil de Investimentos.

Governo tem US$ 1,3 bi para investir em infraestrutura sustentável

Valor faz parte de um acordo firmado entre o Ministério da Infraestrutura e o Banco Interamericano de Desenvolvimento durante o Fórum Brasil de Investimentos O Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura, e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) firmaram um acordo de investimento em projetos sustentáveis na área de infraestrutura, no valor de

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) vai investir R$ 380 milhões em projetos de apoio à pesquisa científica e ao desenvolvimento tecnológico na região amazônica em 2022.

MCTI investirá R$ 380 mi em ciência e inovação na Amazônia

Anúncio de recursos para projetos do Ciência para Amazônia MCTI ocorreu durante o Fórum Nacional Consecti & Confap 2022, em Manaus O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) vai investir R$ 380 milhões em projetos de apoio à pesquisa científica e ao desenvolvimento tecnológico na região amazônica em 2022. O anúncio dos recursos previstos

pt_BRPortuguese
Rolar para cima