Posts

Programa Tecnova II recebe 93 propostas de inovação

Número representativo de projetos enviados mostra o grande potencial inovador do Paraná. Iniciativa conta com um recurso total de R$ 9,5 milhões

O Governo do Estado do Paraná recebeu 93 submissões de propostas de inovação para o Programa Tecnova II. Através do recurso total de R$ 9,5 milhões, será possível destinar a subvenção econômica de até 25 projetos de inovação tecnológica.

Segundo o coordenador da área de Inovação da Fundação Araucária, Luis Guilherme Brandt Goetzke, o número representativo de projetos enviados demonstram o forte avanço das políticas públicas de inovação do Paraná, mesmo em tempos de pandemia. 

Ele acrescenta que, também foi possível identificar propostas que tenham como base o desenvolvimento de novas soluções que visem o combate e o enfrentamento da pandemia da Covid-19, fazendo jus ao compromisso de geração de riqueza e promoção do bem-estar social assumido pelo Governo do Estado.

As três cidades com mais propostas submetidas para o Programa Tecnova II foram Curitiba, Londrina e Maringá.

O tema que recebeu propostas em maior número foi Tecnologia da Informação e Comunicação, seguido da Metalmecânica/Eletroeletrônica, Agronomia, Saúde e Energias Alternativas.

Das 93 propostas, aproximadamente 12% são voltadas para projetos de pesquisa e inovação que visam contribuir no desenvolvimento de novas soluções com foco emergencial no enfrentamento da pandemia da CovidF-19 e suas consequências, e outras síndromes respiratórias agudas graves. 

Sobre o Tecnova II

O programa tem como objetivo constituir uma oportunidade de projetar o setor produtivo estadual no contexto nacional de incentivo à inovação tecnológica, ao identificar novas ideias e estimular novos talentos, muitas vezes anônimos, presentes no âmbito das micro e pequenas empresas paranaenses.

Executado pela Fundação Araucária e a Financiadora de Estudos e Projetos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (Finep-MCTI), conta com o apoio das Superintendências Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), Superintendência Geral de Inovação (SGI), do Sebrae/PR e do Senai/PR. 

A GAC Brasil auxilia empresas privadas com estudos de viabilidade, uso otimizado da Lei do Bem e as melhores opções de financiamento para PD&I.

Além de escritório na região Sudeste do país (SP e RJ), estamos presentes no Sul, com escritório em Porto Alegre (RS).

Entre em contato conosco para receber mais informações.

Nossos canais:

E-mail contato@group-gac.com.br

Telefone (11) 4858-9350 e WhatsApp (11) 99221-9019.

Tecnova II anuncia R$ 9,5 milhões em programa de incentivo à inovação tecnológica

Iniciativa do Governo do Estado executada pela Fundação Araucária e a Finep/MCTI conta com um recurso total de R$ 9,5 milhões

O programa Tecnova II, cujo objetivo é projetar o setor produtivo estadual no contexto nacional de incentivo à inovação tecnológica, será implantado por meio de uma parceria entre o Governo do Estado, sendo executado pela Fundação Araucária e a Financiadora de Estudos e Projetos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (Finep/MCTI).

A iniciativa conta com um recurso total disponível de R$ 9,5 milhões em inovação, englobando também projetos de enfrentamento ao coronavírus, e conta, ainda, com o apoio das superintendências de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) e de Inovação (SGI), do Sebrae/PR e do Senai/PR.

Segundo o presidente da Fundação Araucária, Ramiro Wahrhaftig, o Paraná possui uma teia de ecossistemas de inovação diferenciada, sendo justamente essa diversidade que faz com que seja possível alavancar recursos. Além disso, Wahrhaftig ressalta a alta qualificação na academia para auxílio na criação de riqueza e renda para o Estado, e na transformação da ciência e tecnologia em inovação.

O programa vai apoiar empresas com sede e foro no Paraná, que tenham faturamento bruto anual de até R$ 16 milhões. Os recursos disponibilizados nesta chamada serão destinados à subvenção econômica de até 25 projetos de inovação tecnológica. O valor solicitado como subvenção econômica na proposta deverá, obrigatoriamente, enquadrar-se entre o mínimo de R$ 180 mil e o máximo de R$ 380 mil.

Dado em caráter excepcional, a presente chamada terá como finalidade secundária o apoio a projetos de pesquisa e inovação que visem contribuir no desenvolvimento de novas soluções com foco emergencial no enfrentamento da pandemia, suas consequências e outras síndromes respiratórias agudas graves.

As áreas prioritárias que receberão financiamento pelo Tecnova II, são: Agronomia (Agricultura/Agronegócio); Saúde (Ciências da Saúde/Biomedicina/Biotecnologia); Energias Alternativas; Metalmecânica/Eletroeletrônica; e Tecnologia da Informação e Comunicação.

Luiz Márcio Spinosa, diretor científico, tecnológico e de inovação da Fundação Araucária, afirma que além da ciência, tecnologia e a inovação serem prioridades para o Governo do Estado, através desta parceria e sincronia de todos os órgãos públicos, privados e segmentos da sociedade, será possível promover o desenvolvimento do País e consequentemente benefícios para a população.

A GAC Brasil auxilia empresas privadas com estudos de viabilidade, uso otimizado da Lei do Bem e as melhores opções de financiamento para PD&I.

Além de escritório na região Sudeste do país (SP e RJ), estamos presentes no Sul, com escritório em Porto Alegre (RS).

Entre em contato conosco para receber mais informações.

Nossos canais:

E-mail contato@group-gac.com.br

Telefone (11) 4858-9350 e WhatApp (11) 99221-9019.